EDGARD PARREIRAS (1885, Niterói, RJ - 1964, Niterói, RJ)

BIOGRAFIA:

Primeiros estudos de arte com o tio, o pintor Antônio Parreiras, em 1905. De 1908 a 1910, estudou com Jean-Paul Laurens na Academia Julian, em Paris. Em 1911 retornou ao Brasil, tendo realizado sua primeira exposição individual em Niterói, 1913. Participou do Salão Nacional de Belas Artes com menção honrosa em 1916, medalha de bronze em 1917, pequena medalha de prata em 1918, grande medalha de prata em 1919 e pequena medalha de ouro em 1925. Obteve ainda, no Salão Paulista de Belas Artes, pequena medalha de prata em 1940 e grande medalha de prata em 1945. Integra o acervo do Museu Antônio Parreiras, em Niterói.  

REFERÊNCIA:

A inquietação das abelhas (Pimenta de Mello, 1927), de Angyone Costa; Primores da Pintura no Brasil (1941), de Francisco Acquarone e A. de Queirós Vieira; Artistas pintores no Brasil (São Paulo, 1942), de Teodoro Braga; 100 obras Itaú (MASP, 1985).

Texto: Bolsa de Arte/André Seffrin