MANUEL CARGALEIRO (1927, Chão das Servas, Vila Velha de Ródão, Portugal )

BIOGRAFIA:

Em 1957 fixou residência em Paris. A partir dos anos 90, passa a dividir seu tempo entre Lisboa e Paris. Criou em 1990 a Fundação Manuel Cargaleiro, Lisboa, doando significativo conjunto de suas obras, constituido por objetos de diversos temas. Possui um atelier na Fábrica Viúva de Lamego, Sintra, Portugal, e desde 1999, outro em Vietri Sul Mare, província de Salerno, Itália. Em 2004 foi inaugurado o Museo Artistico Industriale Manuel Cargaleiro, em Vietri Sul Mare. É artista exclusivo da Galerie Albert Loeb, Paris. A obra de Cargaleiro divide-se entre a pintura e a cerâmica. Estilisticamente encontra fundamento no abstracionismo geométrico, não escondendo a forte influência da Escola de Paris e, sobretudo, da herança de Maria Helena Viera da Silva. Através da cerâmica, sua obra ganhou mais visibilidade, projetando-o em Portugal e demais países europeus.  

REFERÊNCIA:

www.enciclopedia.com.pt  

Texto: Bolsa de Arte/Renato Rosa