MARTHA BOTO (1925, Buenos Aires, Argentina - 2004, Paris, França)

BIOGRAFIA:

Uma das mais importantes artistas da arte cinética internacional, cursou a Academia Nacional de Belas Artes de Buenos Aires. Realizou suas primeiras exposições individuais em sua terra natal nas galerias Van Riel e Krfyd. Em 1958, aderiu ao grupo de artistas argentinos não figurativos. Por essa época, começou a trabalhar com móbiles, luzes, espelhos e líquidos coloridos, e no ano seguinte passa a residir em Paris, onde participou do Salon de Realités Nouvelles e em 1960, da Bienal de Paris. A partir de 1961, começou a expor na Galerie Denise René, realizando em 1969 mostra conjunta com seu marido, o artista cinético Gregório Vardanega. Entre suas mostras  mais significativas, destacam-se : Espace Bateau Lavoir, Paris, França, 1993; Galerie Argentine, Paris, France, 1996; Koninkliijk Museum voor Schone Kunsten Antwerpen, Bélgica, e Saint-Lambert Post Office, Paris França, ambas em 1996; Contact Le Cyber Cosmos de Boto et Vardanega, Sicardi gallery, Houston, Texas, Estados Unidos, 2006.

REFERÊNCIA:

SEFFRIN, ANDRÉ, Catálogo Bolsa de Arte do Rio de Janeiro, 2007.

Texto: Bolsa de Arte/André Seffrin